Notícias » Tecnologia

 

Últimas notícias

  • Rádio 104FM Parabeniza Itápolis pelos seus 155 anos!

    Continuar lendo
  • Bombeiros encontram corpo de jovem que se afogou em Ibitinga

    Continuar lendo
  • Outro posto de gasolina é assaltado em Itápolis

    Continuar lendo
  • Ritinha vira sereia profissional nos Estados Unidos

    Continuar lendo
  • Homem é preso com 1 tonelada de maconha em casa de Ribeirão Preto

    Continuar lendo
  • Garotas postam foto com armas e homem é preso em São João da Boa Vista

    Continuar lendo
  • Jovem de 19 anos morre após capotagem em rodovia de Santa Rita do Passa Quatro

    Continuar lendo
  • Novas regras para controlar o cancro cítrico preocupam produtores da região

    Continuar lendo
  • Polícia Rodoviária apreende carga de maconha escondida em tanque de caminhão

    Continuar lendo
  • Adolescente relata estupro e ameaça com faca durante assalto em Marília

    Continuar lendo

Disney terá sua própria plataforma de streaming, para concorrer com a Netflix

disn

A supremacia da Netflix entre as plataformas de conteúdo em streaming pode diminuir consideravelmente nos próximos anos. Isso porque a Disney anunciou nesta terça-feira que irá criar um serviço semelhante para oferecer seus filmes e desenhos, a partir de 2019 nos Estados Unidos – e, possivelmente, em outros lugares do mundo um pouco depois.

Atualmente, muito do catálogo da Disney está disponível na Netflix, incluindo a saga ‘Star Wars’ e as parcerias com a Marvel, mas o cenário deve mudar no futuro. Filmes como ‘Toy Story 4’, ‘Frozen 2’ e a versão live-action de ‘Rei Leão’, que estrearão nos cinemas a partir de 2019, já irão logo em seguida para este serviço.

Em comunicado oficial, o estúdio do Mickey revelou que a nova plataforma será “a casa exclusiva para vídeo sob demanda por assinatura dos novos filmes e animações da Disney e da Pixar”, contando também com “filmes originais, programas de TV, conteúdos mais curtos e outras exclusividades com a marca Disney”.

O anúncio da Disney já fez as ações da Netflix sofrerem uma queda de 3% no mercado. A empresa deve contra-atacar com mais investimento em produções originais, para garantir a fidelidade de seus assinantes. (YAhoo)

© ....:: RÁDIO FM 104 ITÁPOLIS ::.... É só sucesso!!!
BRLOGIC