Notícias » Tecnologia

 

Últimas notícias

  • Segundo sol: Luzia descobre que seu filho com Beto não morreu

    Continuar lendo
  • Segundo Sol: Remy agarra Luzia e Ícaro salva a mãe de ser estuprada

    Continuar lendo
  • Jovem morre ao bater cabeça contra mureta em jogo de futebol em Santa Lúcia

    Continuar lendo
  • Após tentativa de roubo, assaltante é arrastado por ônibus em São Carlos

    Continuar lendo
  • Viatura com 8 presos bate em caminhão e interdita rodovia em Sertãozinho

    Continuar lendo
  • Homem morre e PM é ferido em troca de tiros em favela de Ribeirão Preto

    Continuar lendo
  • Mulher encontrada morta 12 dias após desaparecer em Jaú foi enforcada por suspeito

    Continuar lendo
  • Com cerca de 33% de sua capacidade total, Lago de Furnas tem queda pelo segundo ano consecutivo no mês de julho

    Continuar lendo
  • Justiça ouve depoimentos de policiais militares acusados de espancar e matar Luana em Ribeirão Preto

    Continuar lendo
  • Mulher mantida presa por marido em casa é libertada após filho entregar carta com pedido de socorro

    Continuar lendo

WhatsApp falso no Google Play foi baixado mais de um milhão de vezes

whats

WhatsApp falso (esquerda) e legítimo (direita) no Google Play. (Fotos: E_x_Lnc/Reddit/Reprodução)

Golpistas conseguiram cadastrar diversos aplicativos falsos do WhatsApp no Google Play, a loja oficial de aplicativos do Google para celulares e tablets com o sistema Android. Um dos aplicativos, chamado "Update WhatsApp" e identificado por um usuário do site "Reddit", ultrapassou a marca de um milhão de downloads.

Os aplicativos falsos chamaram atenção porque eram aparentemente desenvolvidos pela "WhatsApp, Inc.", o mesmo desenvolvedor que aparece cadastrado para o WhatsApp verdadeiro. Mas isso se tratava de uma ilusão de ótica: os hackers colocaram espaços fajutos ao lado do nome do desenvolvedor, como se fosse "WhatsApp, Inc. ". Na página do Google Play, a diferença ficava imperceptível, exceto no link quando se clica no nome do desenvolvedor.

O Google Play possui uma série de filtros para impedir que aplicativos maliciosos ou falsos sejam cadastrados na plataforma. Mas, ao contrário do que acontece na App Store, da Apple, que em geral mantém aplicativos clonados e maliciosos fora da loja, muitos apps ilegítimos conseguem passar pelas barreiras do Google.

O especialista em segurança Nikolaos Chrysaidos, da fabricante de antivírus Avast, identificou uma série de outros apps falsos usando o mesmo truque para se aproveitar da marca e do nome do WhatsApp.

Os aplicativos falsos foram removidos do Google Play e o blog Segurança Digital não conseguiu localizá-los nesta segunda-feira (6).

Segundo o usuário do "Reddit" "dextersgenius", que fez uma análise do aplicativo, o "Update WhatsApp Messenger", que teve um milhão de downloads, apenas tentava instalar um outro aplicativo no aparelho e carregar anúncios publicitários. O aplicativo tem um ícone totalmente transparente, o que dificulta sua identificação nas configurações e lista de aplicativos do Android.

Embora a marca de um milhão de downloads para o aplicativo falso seja impressionante, o WhatsApp legítimo já acumula mais de um bilhão de downloads no Google Play. (G1)

© ....:: RÁDIO FM 104 ITÁPOLIS ::.... É só sucesso!!!
BRLOGIC