Notícias » Cinema e TV

 

Últimas notícias

  • Cubanas pedem ajuda à OAB para conseguir refúgio no Brasil

    Continuar lendo
  • Motorista embriagado é preso após atropelar carrinho com bebê de 4 meses em Araraquara

    Continuar lendo
  • Briga em Araraquara termina com cinco pessoas feridas por arma de pressão

    Continuar lendo
  • Casal fica ferido após colisão entre carros em Bueno de Andrada

    Continuar lendo
  • Colisão frontal deixa quatro feridos em Tupã

    Continuar lendo
  • Trabalhadores chineses ganham US$ 0,01 por cada boneca da Disney produzida por eles

    Continuar lendo
  • Não sei dizer porque entrei lá, acho que foi Deus, diz adolescente que resgatou cão em tubulação de esgoto

    Continuar lendo
  • Polícia apreende meia tonelada de pasta base de cocaína escondida em compartimento de caminhão na Marechal Rondon

    Continuar lendo
  • Homens armados fazem arrastão em bairro rural de Ibitinga e rendem 13 pessoas

    Continuar lendo
  • Polícia Civil investiga estupro em escola de Ribeirão Preto

    Continuar lendo

Tainá Muller será nova namorada de Gael que será espancada

taina

Não vai ser apenas Clara (Bianca Bin), que vai apanhar de Gael (Sergio Guizé) em “O outro lado do paraíso”. Em breve, Tainá Muller vai entrar na novela das nove para viver Aura, uma namorada do machão, que adora espancar suas mulheres. E a médica, infelizmente, não vai ser uma exceção. Aura aparece depois da passagem de tempo de dez anos, que deve ocorrer no dia 28 de novembro. “É um tema que está sendo cada vez mais falado e que bom, né, porque precisamos debater muito. O Brasil é um dos campeões em violência contra a mulher e o Walcyr Carrasco está sendo genial em abordar isso no horário nobre, com essa coragem”, fala Tainá, que assim como Bianca, vai ser agredida em cena e aparecer machucada.

Mãe de Martin, de 1 ano e meio, Tainá afirma que já começa a se preocupar com a educação que vai dar ao menino: “Vejo no meu filho uma pureza que tenho medo que ele perca por uma imposição do sistema. O machismo reprime não só as mulheres, mas os homens também e se fala pouco nisso, sobre o quanto os homens são aprisionados nesse modelo de masculinidade, que eles precisam provar com violência o tempo todo e não quero que meu filho faça parte disso. No que depender de mim, ele não será machista”. (GShow)

© ....:: RÁDIO FM 104 ITÁPOLIS ::.... É só sucesso!!!
BRLOGIC