Notícias » Brasil

 

Últimas notícias

  • Segundo sol: Laureta confessa que matou Remy

    Continuar lendo
  • Caso Marielle pode render multa ao Facebook

    Continuar lendo
  • Aretha Franklin, rainha do soul, morre aos 76 anos

    Continuar lendo
  • Mãe procura por adolescente desaparecida em Pradópolis

    Continuar lendo
  • Garoto morre depois de ser encontrado com sinais de violência em Ibaté

    Continuar lendo
  • Jovem de 29 anos morre após acidente em Araraquara

    Continuar lendo
  • Youtubers franceses são acusados de assediar fãs menores

    Continuar lendo
  • Incêndio atinge três carros no estacionamento de escola estadual em Bauru

    Continuar lendo
  • Vítima arremessada de carro após acidente em Garça morre no hospital

    Continuar lendo
  • Pai e filho em carro gaiola morrem em acidente com motorista bêbado

    Continuar lendo

Bebê nasce após mãe morrer em grave acidente de caminhão em SP: Milagre'

bebe

Uma menina nasceu durante um grave acidente na rodovia Régis Bittencourt, perto da cidade de Cajati, no interior paulista. A mãe da criança não resistiu e morreu no local. O acidente ocorreu na última quinta-feira (26), quando o caminhão perdeu controle e capotou.

Segundo a Autopista Régis Bittencourt, concessionária que administra a rodovia, a mulher grávida estava no banco do carona de um caminhão que transportava madeira. O motorista, que ficou ferido, disse à Polícia Civil de Cajati que a mãe da criança solicitou carona a ele, e que não a conhecia.

Ingrid Irene Ribeiro estava sem documentos e só foi identificada nesta segunda-feira (30), dia em que completaria 21 anos. A família aguarda uma decisão judicial para levar a criança para o Paraná.

O ACIDENTE

bebe2

Quando a equipe de resgate chegou ao local, viu que a barriga de Ingrid havia se rompido com o impacto, mas a recém-nascida estava viva.

A menina foi encaminhada para o Hospital Regional Vale do Ribeira, em Pariquera-Açu, no sul do estado. Ela passa bem, mas continua internada em observação.

O motorista do caminhão, um homem de 30 anos, foi liberado porque não apresentava sintomas de embriaguez e prestou socorro à vítima. Ele passou por exame toxicológico e será autuado por homicídio culposo, quando não há intenção de matar.

Em entrevista à TV Tribuna, afiliada da Rede Globo, o médico socorrista Elton Fernando Barbosa, que ajudou no resgate da criança, comparou o caso a um milagre.

“Nesse processo de abertura da barriga da mãe, o feto acabou expelido. Podemos classificar como um milagre”, disse à imprensa local. “O feto foi expulso pelo trauma. Quando eu cheguei, o bebê estava entrelaçado nos restos mortais. Eu retirei aquela criança, fiz os procedimentos cabíveis e levei para a ambulância”, afirmou. (Yahoo)

© ....:: RÁDIO FM 104 ITÁPOLIS ::.... É só sucesso!!!
BRLOGIC